APVL – Alergia à Proteína do Leite em Crianças

A APVL é a alergia alimentar mais comum na infância

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Até 1 Ano, Bebês

Um em cada vinte bebês tem APVL (Alergia à Proteína do Leite de Vaca). Apesar de bastante comum, esse tipo de alergia demanda cuidados especiais e muita atenção dos pais para evitar desnutrição da criança.

APVL

O que é

A Alergia à Proteína do Leite de Vaca é a alergia alimentar mais comum na infância. A alergia alimentar é uma reação do sistema imunológico, responsável pela defesa do organismo, quando entra em contato com a alguma proteína que não é digerida pelo sistema digestivo da criança, por motivos diversos. No caso da APVL, a alergia se dá em decorrência à proteína do leite de vaca, presente no leite e em seus derivados.

Muitas mamães confundem a APVL com a intolerância à lactose. São doenças diferentes. A APVL é alergia à proteína do leite e a intolerância à lactose é provocada por uma disfunção ou diminuição da enzima lactase, que é responsável pela digestão da lactose (açúcar) presente no leite.

Sintomas

Os sintomas da APVL podem aparecer logo após a ingestão do alimento ou algum tempo depois. Vale lembrar que cada criança responde diferentemente ao processo alérgico.

Os sintomas mais comuns são:

  • Diarréia
  • Prisão de ventre
  • Cólica
  • Refluxo
  • Vômitos
  • Vermelhidão na pele
  • Irritabilidade
  • Asma
  • Dificuldade respiratória

Diagnóstico

O diagnóstico da doença APVL é muito difícil, devido aos sintomas serem muito comuns à outras doenças ou alergias.

O primeiro passo começa em casa. Se eu filho está apresentando algum desses sintomas, observe se ele é recorrente ao tipo de alimentação. Por exemplo: os sintomas aparecerem dentro de duas horas após ele comer ou mamar e não aparecerem quando ele come outros tipos de alimentos? Ele é um forte candidato a APVL.

Se você desconfiar que seu filho está tendo uma reação alérgica, de qualquer tipo, fique muito atenta! Corte a alimentação que está provocando os sintomas imediatamente e observe como o quadro se apresenta. Se seu filho não apresentar melhoras dentro de alguns minutos, procure assistência médica urgente. Alergias são muito perigosas!

O segundo passo para o diagnóstico é a parte médica. Quando você levar seu filho ao médico, ele fará a anamnese (o exame físico e entrevista sobre os hábitos de seu filho, inclusive o alimentar).

Posteriormente, ele pode solicitar um exame de rastreamento de alergia, que é feito a partir do exame de sangue. Esse exame apresentará todo tipo de alergia que seu filho possui.

Tratamento

A APVL tem cura! O tratamento é muito simples: exclusão dos alimentos que contenham o leite de vaca!

Normalmente, a dieta alimentar dura seis meses. Caso a criança não esteja curada, a dieta deverá ser mantida, porém a maior parte dos bebês desenvolve a tolerância ao alimento após 2 anos de idade.

leite

Bebês que mamam leite materno também podem ter APVL

Mesmo que seu filho mame apenas no peito, ele pode ter APVL. A alergia será em decorrência ao tipo de alimentação que a mãe realiza.

Caso você amamente seu filho no peito e ele apresente esses sintomas, suspenda a ingestão de alimentos que possuem leite de vaca em sua constituição e observe se há melhora nos sintomas.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios