Atividade Física na Gravidez: Sinais de Perigo

Os sinais de alterações no corpo da gestante durante as atividades físicas devem ser sempre observados com muito cuidado.

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Gravidez, Problemas

Durante o período de gravidez o corpo da mulher sofre diversas modificações fisiológicas, que criam determinados desconfortos, dores ou problemas de toda a ordem. E considerando os benefícios que as atividades físicas proporcionam ao nosso corpo de forma geral, a atividade física moderada é indicada pela maioria dos médicos. Hidroginástica, pilates, natação leve e caminhadas são os mais indicados para gestantes, e podem ser determinantes para que essa fase seja o mais tranquila possível.

Porém, da mesma forma que os exercícios físicos causam impactos ao nosso corpo em situações normais, isso também ocorre na gravidez, por mais que a atividade seja leve. Na gravidez o corpo da mulher está hipersensível e menos tolerante às mudança externas, já que prepara do seu próprio modo todas as transformações necessárias ao suporte à nova vida. Dessa forma, se qualquer problema ocorrer na manutenção dessas atividades físicas é necessário que o médico seja consultado imediatamente e que a atividade seja temporariamente suspensa, para que não haja qualquer risco.

exercícios aeróbicos na gestação

A observação constante

Não só no período gestacional, mas em todas as épocas e dias da nossa vida, devemos estar atentos aos sinais do nosso corpo. O organismo humano está preparado para oferecer alertas em qualquer situação de risco ou de modificações não desejáveis nas funções essenciais, e a observância desses alertas é importantíssima para a nossa saúde. Pontadas, dores, sudorese excessiva, mudança na coloração da pele, tonturas e muitos outros sintomas devem ser levados em consideração, fato que na gravidez se torna ainda mais importante.

Principais sinais evidentes

Sangramentos

Em qualquer fase da gravidez o sangramento é um sinal de alto risco, e por isso se ele aparecer o médico deve ser consultado com urgência. No início da gravidez esse sangramento pode ser sinal de aborto espontâneo, e nas demais fases complicações de origens diversas. No caso de surgir na execução de uma atividade física, o médico deve ser informado e a atividade deve ser reconsiderada.

Tonturas e náuseas

Esse tipo de sinal pode surgir na execução fora do ritmo adequado para a situação e que a futura mãe se encontra, e é um importante indicativo que o corpo não está dando conta. Ou por excesso de intensidade, ou pela falta de alimento suficiente.

Falta de ar

A falta de ar é comum na execução de uma atividade física, mas na gravidez ela é um indicativo preciso. Como a atividade para a gestante deve ser leve, se aparecer a falta de ar, diminua o ritmo.

yoga na gestação

Taquicardia

A taquicardia é um sintoma normal na execução de qualquer atividade física que esteja surgindo efeito, e não deve ser considerada um sinal de atividade nociva. Mas deve-se ter o discernimento de que a variação dos batimentos cardíacos não deve ser exagerada, e não pode surgir de repente. Se isso ocorrer, procure um médico.

Dores no abdome ou peito

Qualquer dor nessas regiões que não tiver causa óbvia deve ser causa para uma visita rápida ao médico. Se você tiver certeza que se trata de gases, cólicas ou outros incômodos comuns, não deve haver alarde. Mas se a dor não tiver motivo aparente e principalmente se se repetir sem motivo aparente, a gestante deve ser encaminhada ao médico assim que possível.

Maneira Correta de se Exercitar

Para se ter um resultado positivo é necessário ter um treinamento simples de seguir mas eficiente, com exercícios, guia alimentar e atividades a serem exercidas de maneira a gerenciar o peso. Um método que tem sido muito recomendado pelas minhas leitoras é o da Mamãe Saudável, que possui um programa para a mulher entrar em forma durante e após a gravidez de maneira saudável e sem prejudicar o bebê. Clique na imagem abaixo para saber mais informações e orientações.

mamãe saudável

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios