Caminhada na Gravidez: Quanto é Recomendado

A caminhada é uma aliada importante para melhora o bem-estar da futura mamãe, oferecendo ainda mais saúde à longo prazo.

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Gravidez, Saúde

As mulheres que passam pelo período gestacional muitas vezes reclamam de dores e mal-estar, e isso é relativamente comum nesse período. Mas um dos motivos para que esse problema apareça, ou seja, agravado é a falta de exercícios, ou a vida sedentária, tanto antes quanto durante a gravidez. Sabemos que uma mulher grávida não pode realizar todos os tipos de exercícios, principalmente os de alto impacto e muito acelerados. Mas sabemos também que ficar parada é uma péssima opção. Por isso, uma das recomendações mais claras e comuns dos médicos para as gestantes é: caminhe!

A caminhada é simples, um exercício que todas conseguem fazer e que não envolve aquele sacrifício físico, e que se encaixa muito bem para as futuras mamães. A caminhada é bem-vinda na gestação e é uma das aliadas das saúde da mulher, que se sentirá mais disposta diariamente e terá menos dores e desconfortos até o nascimento da nova pequena vida.

maternidade e exercícios

Como fazer

O ideal é que a caminhada seja realizada todos os dias. Se não puder, faça ao menos 3 vezes por semana, e tente pegar um dos dias do final de semana para se exercitar também. Tente encontrar uma aliada ou um aliado, uma pessoa que é sedentária ou que já se exercite, para que ambos se motivem e para que um cobre do outro em dias faltosos. A caminhada deve ser iniciada devagar, com calma e com respiração constante. Aos poucos, o ritmo pode ser aumentado e em pouco tempo ela passa a ser mesmo um exercício, que ajuda a emagrecer e melhora significativamente a saúde. Não é necessário uma caminhada frenética, apenas um ritmo bom e constante.

A manutenção da respiração é essencial nas caminhadas, e manter o foco da atenção na respiração é inclusive uma forma de se manter alerta e concentrada. Tente combinar a respiração com a passada, e quando houver qualquer dificuldade, diminua o ritmo. Essa caminhada é essencialmente um exercício leve, e não deve cansar por demais a mamãe. Se houver quaisquer dúvidas quanto a esse exercício, consulte o seu médico.

Benefícios

Inicialmente a caminhada melhorará a disposição, a motivação e diminuirá aos poucos as dores e desconfortos da gestação, como dissemos anteriormente. Mas esses não são os únicos benefícios da caminhada. Os músculos e ossos da mamãe serão fortalecidos. O pulmão será estimulado e a capacidade cardiovascular será aumentada significativamente, além de haver uma queima de calorias grande, que evita o sobrepeso após o período. Além disso, a caminhada reduz as taxas de colesterol e glicose, o que é um ganho em longo prazo tanto para a mamãe como para o bebê.

grávida caminhando

Cuidados

O primeiro cuidado para a caminhada é um tênis adequado, de preferência o mais confortável que você encontrar, e com amortecimento eficiente. Nada de caminhas de sandálias ou rasteirinhas, muito menos com tênis não apropriados. Ao realizar a caminhada deve-se manter o corpo muito bem hidratado, e a garrafinha é um item essencial para o exercício. A mamãe deve se hidratar antes, durante e depois do exercício, o que aumentará a sua capacidade para realizá-lo e evitará qualquer desconforto.

Além disso, escolha um horário adequado em que o sol não esteja muito forte, um horário um pouco mais fresco. Isso também será importante para que a mamãe se sinta melhor durante o exercício, evitando qualquer desistência no meio do caminho.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios