Como Cortar as Unhas do Bebê?

Dicas para a mamãe ficar segura nessa hora

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: 1 a 2 Anos, 2 a 3 Anos, Até 1 Ano, Bebês, Crianças, Recém Nascidos

Só de pensar em ter que cortar as unhas do recém-nascido, muitas mulheres ficam preocupadas ainda quando estão grávidas. As mãos do bebê, tão pequeninas, deixam a mamãe com muito medo na hora de usar a tesourinha ou cortador para aparar aquelas unhas tão fininhas e frágeis.

A mãe fica apreensiva porque realmente dá muito medo de machucar o bebê nessa tarefa tão delicada. As primeiras vezes não são nada fáceis, mas como tudo o que envolve a maternidade, dada a repetição da ação, em pouco tempo, a mãe pega o jeitinho e corta as unhas do filho rapidinho, sem estresse.

As unhas do bebê crescem muito, mas muito rápido. Mal você acabou de cortar há alguns dias, elas já estão grandes novamente. As das mãos crescem mais rápido que as dos pés.

cortar unhas

E é necessário estar sempre supervisionando as unhas do bebezinho, porque qualquer pontinha saliente pode fazer com que ele se arranhe ou que enrosque em algum fio da roupa, sapatinho de lã ou na meia. As unhas compridas também podem acumular sujeira. A dica é aparar as unhas das mãos semanalmente; a dos pés podem ser cortadas a cada 20 dias.

Geralmente, na maternidade, as enfermeiras pedem para a gestante já levar a tesourinha ou cortador de unhas do bebê e cortam as unhas pela primeira vez, porque os pequenos já nascem com as unhas compridinhas.

Dicas

Veja algumas dicas para facilitar o momento de aparar as unhas do bebê:

  1. Antes de cortar as unhas do bebê, higienize suas mãos.
  2. Escolha um lugar calmo e silencioso para você realizar a tarefa, que exige concentração.
  3. Apare as unhas do bebê utilizando um cortador ou tesourinha próprios para eles. Veja qual você se adapta melhor, ou seja, sente que tem mais firmeza. Esses instrumentos devem estar esterilizados.
  4. A ajuda de outra pessoa para segurar a mãozinha do bebê pode facilitar bastante a tarefa, principalmente no início.
  5. Uma boa dica é fazer o corte das unhas enquanto bebê dorme, assim ele não fica se mexendo e você consegue cortar com mais tranquilidade.
  6. Atenção ao corte: ele deve ser reto. Nada de ficar mexendo nos cantinhos, porque, por ser mais difícil de cortar, pode inflamar com facilidade.
  7. Algumas mamães aproveitam para aparar as unhas do bebê enquanto ele mama, porque fica calminho. Mas nesse caso, outra pessoa deve realizar a tarefa.
  8. Outro momento que deixa a tarefa mais fácil, é cortar depois do banho, em que a unha do bebezinho fica menos resistente. Algumas mamães já acham que a unha fica mole demais, o que complica mais ainda. Veja o que você prefere.

cortar unha de bebê

Unhas encravadas: cuidado!

Você sabia que o bebezinho também pode ficar com unha encravada? Por isso, aparar do jeito correto é muito importante. Mas outras medidas também devem ser seguidas, como evitar colocar sapatinhos, meias ou macacões apertados, que podem causar inflamação. Veja se o bebê consegue movimentar os dedinhos dos pés quando usa o sapatinho ou outra roupinha com pezinho. Se você observar vermelhidão no local, procure um médico.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios