Exames do 2º Trimestre da Gravidez

A mãe faz ultrassons e exame para detectar diabetes gestacional

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Exames, Gravidez, Saúde, Semana a Semana

Chegou o segundo trimestre de gestação, ou seja, a fase mais tranquila dos 9 meses: os enjoos já passaram, os riscos de um aborto são bem menores e a mamãe está cheia de energia e já começa a pensar no enxoval e no quartinho do bebê. A barriga está ficando maior, mas ainda não chega a trazer incômodos. O segundo trimestre é compreendido entre a 13ª e 28ª semana.

As consultas ao obstetra são mensais se a gravidez estiver tranquila e nesse período são realizadas ultrassonografias para verificar o desenvolvimento do bebê. Nessa etapa, o bebê se mexe bastante, apesar de a mãe não sentir ainda esses movimentos. O tamanho do corpo do feto já está mais proporcional ao tamanho da cabeça. Ao final do segundo trimestre, o bebê já pesa mais de um quilo.

Ultrassom morfológico

O médico vai solicitar um ultrassom morfológico, que é feito entre a 22ª e 24ª semana: o exame visualiza o bebê em todos os detalhes e pode verificar o funcionamento do coração, rins e físicos. Dependendo do caso, o médico pode intervir, com maior probabilidade de solucionar algum problema.

A mulher também realiza um ultrassom por volta da 20ª semana que verifica o colo do útero para saber se há risco de um parto prematuro. Se houver esse risco, o médico orientará a gestante a ficar em repouso e prescreverá medicamentos para que a gravidez transcorra sem problemas. Dependendo da situação, pode ser feita uma pequena cirurgia, chamada cerclagem.

médico

Por volta da 24ª semana de gravidez, o obstetra pode solicitar também exame de sangue para verificar os níveis de ferro, anemia e alguma infecção, além do nível de glicose para averiguar se a mãe não desenvolveu diabetes gestacional, que pode trazer riscos para ela e para o bebê. Caso seja diagnosticada diabetes gestacional, o médico irá passar uma dieta alimentar e, em alguns casos, a mulher deverá tomar injeções de insulina.

No segundo trimestre de gravidez, pode ocorrer deslocamento de placenta, em que a mulher pode apresentar sangramentos. Outro problema é o de placenta prévia, em que a placenta fica em uma posição baixa do útero. O médico constata o problema por meio de ultrassonografia.

Em casos mais raros, no segundo trimestre pode ocorrer o aborto tardio, que acontece entre a 13ª e 20ª semana de gestação. O aborto pode ser decorrente de problemas na placenta ou no útero, por alguma infecção que a mãe contraia ou problemas no desenvolvimento do bebê. Os sintomas são fortes dores, como as do parto, sangramento ou rompimento da bolsa.

Mas saiba que a realização correta do pré-natal garante que o médico acompanhe o estado de saúde da mãe, o desenvolvimento do bebê e consiga diminuir os riscos de um aborto ou outras complicações na gestação.

exame 2o trimestre us

Vá ao dentista

O segundo trimestre da gravidez é um bom momento para ir ao dentista para tratar de possíveis cáries e da saúde da gengiva, que fica mais sensível na gestação. Solicite ao seu dentista que aplique uma anestesia especial, indicada para gestantes.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios