Exames do 3º Trimestre da Gravidez

Seu bebê está chegando e para que tudo transcorra bem veja os exames desta fase final

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Exames, Gravidez, Saúde, Semana a Semana

Chegou o terceiro trimestre e são tantas coisas para a gestante organizar que será preciso fazer uma lista de compromissos: é preciso completar o enxoval do filho, organizar o chá de bebê, deixar a mala de maternidade pronta, terminar a decoração do quartinho e, é claro, ir às consultas pré-natal e realizar os exames dessa fase.

A mulher começa a ficar mais cansada, pode ter um pouco de falta de ar, porque o diafragma fica pressionado e, não raro, pode ter dor nas costas. A insônia também pode se tornar frequente. A mamãe também pode sentir azia porque seu estômago também está sofrendo pressão: para diminuir o desconforto procure fazer pequenas refeições ao longo do dia. Apesar de tudo isso, seu barrigão está lindo e nada é capaz de tirar a alegria de saber que o bebê, em pouco tempo, estará em seus braços.

pré- natal

Por isso, para as mulheres que trabalham é hora de pensar em qual dia dará início à licença-maternidade: é um momento em que a mulher precisa deixar o estresse de lado e valorizar as horas de repouso para ter energia para os cuidados do recém-nascido.

Consultas e exames

Nas consultas, aproveite para tirar todas as dúvidas com seu obstetra sobre como será o parto, as contrações, ruptura da bolsa etc.. O médico irá solicitar ultrassonografia para ver como está o bebê, verificar seu peso e sua posição no útero.  O exame também avalia as condições da placenta e do líquido aminiótico.

O bebê ganha peso muito rápido nessa fase e se mexe bastante: com 35 semanas, ele pode pesar mais de 2,5 quilos e quase todos os seus órgãos já se desenvolveram totalmente.  Ele consegue perceber os sons e as diferenças de luminosidade.

cuidados médicos

É feito o ultrassom com dopplerfluxometria colorida, em que o médico verifica a circulação sanguínea entre o bebê, útero e placenta. Dependendo do que é observado, o médico pode antecipar o parto para que não ocorra problemas ao bebê.

No último mês de gestação, a mulher visita o médico todas as semanas para garantir que não vai haver nenhuma complicação até o parto.

A gestante deverá fazer alguns exames para que o médico certifique-se que ela não vai passar nenhum problema ao bebê no momento do parto. Um dos exames é o de cultura da bactéria estreptococo B, que é realizado no último mês de gravidez e indica se a mulher apresenta a bactéria estreptococo B, que fica na região vaginal e anal e pode ser transmitida para o bebê no parto normal. Caso o resultado seja positivo para a bactéria, o médico vai administrar antibiótico por via intravenosa na hora do parto.

Risco de pré-eclâmpsia

Principalmente no final da gestação, a mulher pode desenvolver pré-eclâmpsia, que é o aumento da pressão arterial. A mulher tem inchaços e retenção de líquidos. O problema se agrava quando a gestante engorda muito na gestação e deve ter acompanhamento médico, pois pode trazer sérios riscos para a mãe e bebê.

O médico controla o problema com medicamentos para baixar a pressão arterial e prescrevendo uma dieta com pouco sal.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios