Menstruação

Saiba o que acontece no corpo da mulher no ciclo menstrual

Artigo publicado por Patrícia Ribeiro nas categorias: Saúde

Muitas mulheres reclamam do incômodo de menstruar todos os meses, mas saiba que a menstruação regular é um sinal de que o sistema reprodutor feminino está funcionando de forma correta.

A menstruação indica que a mulher não engravidou e se caracteriza por um sangramento, que é, na verdade, a descamação da membrana do útero chamada endométrio, local que acolheria um embrião se houvesse ocorrido a fecundação.

cólicas menstruais

Ela dura, em média, de três a sete dias e começa a fazer parte da vida das mulheres aos 12 anos com a menarca (primeira menstruação). Nesse início, elas podem ser irregulares, mas com o passar do tempo vão se regularizando. A menstruação acompanha a mulher até a menopausa ou por volta dos 50 anos.

Etapas do ciclo menstrual

O ciclo menstrual normal tem duração de 28 dias, mas pode variar de mulher para mulher. Algumas chegam a apresentar ciclos de 40 dias. Ele pode ser dividido em quatro etapas:

1) Menstruação (o primeiro dia da menstruação é o primeiro dia do ciclo);

2) Preparação do óvulo para sair do ovário por volta do sexto do ciclo. Nesse momento, entra em ação a glândula pituitária que estimula os ovários na produção dos hormônios estrôgenio e progesterona. Com o estrogênio, o endométrio fica mais espesso, se preparando para receber o embrião e a progesterona prepara as paredes do útero para a gestação;

3) Nessa fase acontece a ovulação lá pelo 14º dia do ciclo e, de novo, a glândula pituitária dá um sinal para o organismo feminino produzir o hormônio folículo-estimulante, responsável pelo desenvolvimento dos óvulos no ovário e pelo hormônio leutenizante, que provoca a liberação de um ou mais óvulos prontos para a fecundação.

4) A última etapa ocorre depois da ovulação: o ovário passa pela trompa de falópio e vai até o útero, se ele não for fecundado, o endométrio é eliminado e começa a menstruação.

Sintomas da menstruação

absorvente

É comum, durante a menstruação, a mulher sentir cólicas, que é a contração do útero para eliminar o endométrio. Os médicos recomendam uma atividade física leve ou até um banho morno para diminuir o desconforto. Em casos muito extremos, é necessário tomar algum medicamento prescrito pelo médico.

Muitas mulheres podem apresentar também alterações de humor, irritabilidade, dor de cabeça, cansaço e uma maior sensibilidade nas mamas, além de inchaço no corpo. Isso pode acontecer durante ou antes da chegada da menstruação, a tão conhecida tensão pré-menstrual ou TPM.

Ciclos irregulares

Mulheres que apresentem mais de uma menstruação por mês ou ficam sem menstruar por algum tempo devem procurar o médico com urgência. A alteração pode indicar doenças como diabetes, disfunções da tireoide, problemas no útero ou pode ser decorrência também de obesidade. Outra causa comum é a síndrome dos ovários policísticos (SOP), em que há uma maior produção de hormônios masculinos no corpo feminino. Além de desregular a menstruação, a SOP também se caracteriza pelo excesso de pelos no rosto e abdômen e acne. A síndrome não tem cura, mas com tratamento correto e acompanhamento médico não traz problemas para mulheres que querem engravidar.

Patrícia Ribeiro

Autora

Patrícia Ribeiro é mamãe 24h por dia de dois filhos maravilhosos e dedica seu raro tempo livre à compartilhar suas descobertas com outras mamães.



Comente!




*Campos obrigatórios